terça-feira, novembro 22, 2005

MONTEMOR-O-VELHO – Orçamento corta na despesa corrente

A autarquia de Montemor vai fazer notar no próximo orçamento a sua política de redução e contenção das "despesas supérfluas".
Já em tempos escrevi sobre a actuação deste executivo camarário. Agora ao ler esta notícia no Jornal "As Beiras", venho lançar aqui um repto a quem me lê. O objectivo do desafio é tentar responder à dúvida que vou colocar.
As Associações culturais, recreativas e desportivas do Concelho têm visto os seus pedidos de auxílio económico serem recusados com base no argumento da falta de verbas. A julgar pela notícia acima referida tudo estaria correcto. No entanto sabemos que uma Associação da Freguesia de Arazede, recebeu de mão beijada uma avultada quantia para fazer obras na sua Sede, e na falta do placar respectivo,está fazendo as obras sem a respectiva licença, e violando o traçado do edifício.
Responda quem souber:
Qual a Associação em causa?
Qual a cor politica da Direcção da referida colectividade?