sexta-feira, janeiro 27, 2006

O idiota da semana

Miguel Cadilhe defende a saída de 200 mil funcionários públicos para equilibrar as contas públicas.
Em declarações à TSF, o ex-ministro considera que é necessário que os trabalhadores do estado saiam através da rescisão amigável.

2 Comments:

Blogger Adryka escreveu...
Não querendo ofender ninguém, mas tenho a certeza pelo que tenho apreciado em certos serviços publicos, que exitem 3 pessoas para fazer o mesmo trabalho, e o engraçado é que acaba por n/ ser feito. Bjs
27/1/06 22:15  
Blogger Vitor Manuel escreveu...
Mas esse é um problema de gestão de pessoal.
27/1/06 23:44  

Enviar um comentário

<< Inicio