quarta-feira, fevereiro 01, 2006

Verbas do eléctrico rápido desviadas para OTA e TGV

Verbas do OE para o metro foram desviadas para a OTA e o TGV. É esta a convicção de Carlos Encarnação.
O presidente da Câmara de Coimbra chega agora a esta brilhante conclusão, devia começar a ler o Coimbra Nacional, pois já o dissemos deste o dia em que o Sr. Eng. adiou o projecto para “estudos”.
O autarca está disposto a esperar pelas verbas do IV QCA , o que vai adiar mais um ano o inicio do projecto. Os políticos do sistema sempre se entenderam quando toca a partilhar a presa. A pequenez do Presidente da Câmara de Coimbra está patente nesta atitude de submissão.
Uma coisa é certa este projecto vai ficar famoso, pela demora e pelas suspeitas de corrupção.